FUSO 2008
28 JUL > 1 AGO
       

 

                     
         
                     
         
                     
         
                     
         
                     
         
                     
         
                     
         
                     
             
 
 
 
rui calçada bastos
THE MIRROR SUITCASE MAN
   
    2003-04, Fundação PLMJ, 4’24’’
 

A prática do artista baseia-se em elementos biográficos, desde relações pessoais a estados emocionais associados a pessoas, lugares e objectos. Nos seus vídeos e fotografias, desenvolve narrativas protagonizadas por múltiplas personagens, por vezes por si interpretadas. Neste projecto, num preto e branco granulado acompanhado por uma sonoridade melancólica (da autoria de Tiago Miranda), vislumbra-se um homem a deambular por uma cidade transportando uma mala espelhada, que capta fragmentos de ruas ou parques, metáforas das múltiplas vivências quotidianas que o definem. Como memórias de um espectro, as imagens reflectidas compõem uma micro-ficção dominada pela nostalgia. Este trabalho constitui, assim, uma alegoria da condição humana.